Download Insurance Handbooks
We created these handbooks to help you identify the key points when considering a health insurance policy. They cover a wide range of topics from 'Choosing the right plan', to 'Maternity' and 'Pre-existing' conditions. Please enter your Email address to gain access to our full library.
Download Now  Email Address

  Seguros de Saúde na Bélgica



A qualidade dos cuidados de saúde na Bélgica são geralmente de um padrão extremamente elevado. Hospitais e instalações na Bélgica são financiados através de um sistema obrigatório onde o prêmium do indivíduo é automaticamente deduzido do salário. Este seguro do estado vai tipicamente reembolsar até 75% do valor dos custos dos tratamentos. Esta é uma das principais razões da contínua expansão da indústria de seguros no país, pois os cidadãos procuram adquirir coberturas de valor maior do que os níveis previstos na constituição.

Quando um estrangeiro trabalha no país, ele é obrigado a escolher entre o seguro nacional ou seguro particular. O motivo disto é pelo fato de que os hospitais belgas são extremamente caros e se um indivíduo não tem seguro de saúde, provavelmente não será capaz de arcar com os custos de tratamento destas instalações médicas, de modo que esta lei garante que todos possam ter condições de pagar e ter acesso a serviços de saúde de qualidade.

Para que um cidadão estrangeiro participe de um dos fundos nacionais de seguro, deve obter uma documentação de sua empresa declarando que trabalham e vivem na Bélgica. Depois disto, cabe ao indivíduo escolher o fundo de seguro que gostaria de ser coberto. Embora isso possa parecer uma escolha difícil, já que muitos dos fundos de seguros na Bélgica estão ligados à uma religião ou partido político, virtualmente não há nenhuma diferença entre a execução dos fundos de seguro devido a legislação imposta pelo governo vindo destes partidos políticos.

A Bélgica tem um sistema de saúde extremamente desenvolvido, onde há até um sistema onde uma farmácia ambulante passa em todos os locais do país em qualquer área para que seja capaz de obter o medicamento que precise 24 por dia. No entanto, muitos estrangeiros não escolhem uma cobertura de seguro belga pelo fato de que eles não cobrem os indivíduous fora do país. Assim, apesar do fato de que uma parcela de seu salário anual é deduzido para garantir esta cobertura, esta por sua vez não fornece qualquer cobertura quando saem do país.

Podemos fornecer um seguro de saúde extensivo ao expatriado na Bélgica, que irá permitir ter os maiores níveis de cobertura disponíveis. Planos que fornecemos são globalmente portáteis e garantidamente renováveis para a vida, dando-lhe a garantia de que não importa o que ocorrer, sempre terá a cobertura que necessita. Os planos podem ser adaptados para atender as suas necessidades específicas e em muitos casos somos capazes de oferecer apólices de saúde internacional sem franquia. Além dessas apólices, oferecemos uma série de benefícios de seguro adicionais, incluindo a cobertura para o tratamento ambulatório, odontológicos , proteção de maternidade, remédios complementares, consultas especializadas, terapias alternativas e evacuação de emergência. Tudo isso lhe dará a garantia de que não importa o que aconteça em qualquer parte do mundo, sempre terá a proteção que precisa.

SOBRE A BÉLGICA

Localizado na europa ocidental, a Bélgica é reconhecida internacionalmente por sua hospitalidade bem como um propagador das artes, culinária e cerveja. Todos os anos, milhões de turistas entram no país, e neste comglomerado há muitos que vêm de forma permanente.

As informações contidas nesta página podem estar sujeitas à alterações sem aviso prévio. Para informações mais atualizadas sobre a Bélgica, favor consultar um especialista antes de partir para a sua viagem.

Nome Oficial: O Reino da Bélgica, também conhecido simplesmente como Bélgica.

Capital: A capital da Bélgica é Bruxelas, localizada no centro do país sendo também a maior cidade do país.

Local : A Bélgica situa-se na europa ocidental, na costa do Mar do Norte. O país faz fronteira com França, Holanda, Luxemburgo e Alemanha. Devido a sua localização, a Bélgica apresenta uma interessante mistura das culturas de todos os países com quem faz fronteira.

Tamanho: Com uma área total de 30.528 km2, a Bélgica é o 148o maior país do mundo, menor do que a da Moldávia e maior do que a de Lesoto.

Clima: A Bélgica tem um clima temperado, com verões quentes e invernos relativamente suaves. Normalmente, o país permanece nublado durante todo o ano.

População: Com uma população total de cerca de 10.392.226, a Bélgica é o 78º país mais populoso do mundo na frente da Tunísia e atrás de Portugal.

Expectativa de vida no nascimento: a esperança média de vida no nascimento de um cidadão belga é de 78,92 anos. Esta é a 33ª maior expectativa de vida média no mundo e pode ser atribuída aos padrões extremamente elevados do sistema de saúde belga.

Doenças graves: No momento não existem doenças infecciosas presentes na Bélgica. Os principais riscos à saúde no país são a desidratação no verão e hipotermia no inverno.

Idiomas: A língua oficial da Bélgica é holandês, que é falado por 60% da população. O francês, que é falado por 40% da população e o alemão, que é falado por menos de 1% do país também são línguas oficiais. A Bélgica é um país oficialmente bilingue e todos os sinais devem ser impressos em holandês e francês.

Religião: A religião dominante é o catolicismo que é praticada por 75% da população.

Governo: A Bélgica é uma democracia parlamentar sob uma monarquia constitucional, muito parecido com o governo dos Reinos Unidos.

Chefe de Estado: O chefe do estado belga é sempre o monarca, atualmente o Rei Albert II. Apesar de o monarca ser o chefe de estado, ele não tem nenhum poder político real quando se trata de legislação, apesar de que suas opiniões poderem pesar na hora de uma decisão.

Chefe de Governo : O chefe do governo belga é o primeiro ministro Guy Verhofstadt e é o primeiro ministro que detém a maioria do poder executivo do país.

Economia : A economia belga é baseada em ideais de livre mercado e a economia privada do país tem tirado proveito dos vários portos no Mar do Norte e a proximidade do país de grandes centros de consumo. Apesar da escassez de recursos naturais, o país tem conseguido manter o seu crescimento, sendo o principal país exportador da Europa.

PIB: Com um PPC (paridade de poder de compra) de USD $378,9 bilhões e um PIB real de USD $442,8 bilhões a Bélgica tem a 30o maior PIB do mundo.


    • Enquanto expatriados continuam a se relocalizar, um dos principais problemas é o estado do sistema de saúde. Como pode ser espantoso receber tratamento de saúde for a de seu país, muitas pessoas querem saber como que é o sistema de saúde na Bélgica antes de entrarem nele.
  • DICAS DE VIAGEM NA BÉLGICA

    Ao viajar ou se mudar para um novo país, é útil estar ciente das leis e costumes locais. A Bélgica é um país de primeiro mundo bem desenvolvido e muitas das leis e costumes locais serão semelhantes aos de outras nações européias. No entanto, para os indivíduos que não estão familiarizados com as nações européias, pode haver algumas preocupações e é por essa razão que fornecemos algumas dicas de viagem para os indivíduos recém-chegados na Bélgica.

    As informações contidas neste documento destina-se apenas como referência e podem estar sujeitas à alterações sem aviso prévio. Para informações mais detalhadas de viagem à Bélgica, recomendamos consultar um especialista.

    Atualmente existe um risco global de terrorismo. A ameaça no país é baixa, porém é bom lembrar os viajantes de que se atentados terroristas ocorrerem, podem ocorrer em áreas frequentadas por turistas e estrangeiros.

    A maioria das viagens para a Bélgica são tranquilas. Os principais tipos de incidentes em que cidadãos estrangeiros necessitam de assitência consular são os casos de furto e roubo de automóvel.

    Há uma alta ocorrência de trombadinhas (carteiristas) e roubos nos terminais Star Euro e Gar du Nord em Bruxelas. Aconselhamos aos viajantes a manterem vigilância cuidadosa com os seus percences.

    Se deseja dirigir quando estiver na Bélgica, deve possuir uma carteira da UE válida ou carteira internacional. Apesar das estradas do país serem geralmente boas, é importante lembrar que há velocímetros fotográficos secretos e lombadas em todo o país. Portanto, é importante que cumpra todas as leis de trânsito e tome cuidado para não dirigir embriagado.

    Você deve sempre levar uma cópia do seu passaporte com você. Não fazer isso pode resultar em detenção ou multa pelas autoridades belgas.

    Embora o nível do setor de saúde na Bélgica seja alto, atendimento médico aos estrangeiros podem ser caros. É recomendado que compre alguma forma de seguro de saúde antes sair para sua viagem.

    Para obter mais informações sobre como viajar para a Bélgica, os planos de seguro de saúde internacional que possamos fornecer lá, ou para receber um orçamento gratuito, entre em contato conosco hoje.

 

For more information about Belgium, the international health insurance plans that we can offer there, or to receive a free quote, please contact one of our expert advisers today.